Como você alimenta seu capital intelectual?

EM
17 de abril de 2014
|
por
Adriana Ferrareto
Compartilhe

Nancy-Whiskey-150Se a gente fosse agora para um boteco, tomar umas cervejas, e você não pudesse falar do trabalho, da vida alheia, de futebol ou outro assunto comum... Sobre o que conversaríamos?

Pois é, essa brincadeira serve para refletir como você está cuidando do seu capital intelectual: com o que você anda alimentando sua mente.

Além de trabalhar, cuidar da carreira, do dinheiro, do seu corpo, dos relacionamentos e da família, que atenção dá para a sua mente? Você é do tipo que lê apenas livros técnicos da sua área de atuação?

Muita gente se esquece dessa parte, e muitos ignoram os dois grandes benefícios de se cuidar do capital intelectual.

1. Cuidar da mente facilita todo o resto

Uma mente saudável ajuda você em todas as áreas da vida.

Manter uma mente saudável e criativa deixa você mais pronto para lidar com as situações de vida e melhora a sua percepção do mundo. Isso é decisivo para fazer boas escolhas e aproveitar as boas oportunidades que aparecem.

Conhecer outros assuntos fora da sua área de atuação mantém você criativo e mais apto para fazer relações que os outros não são capazes de fazer.

2. Cuidar da mente é bom para a sua velhice

No desenvolvimento humano, o corpo físico padece à medida que envelhecemos, mas a mente fica mais ativa do que nunca.

Desfrutar de uma boa velhice é também ter bons pensamentos e boas emoções.

Quando somos jovens, temos que ter cursos, formação, dinheiro, bens, relações e todas essas coisas... Tudo isso tem uma estabilidade à medida que envelhecemos.

Na velhice, se você tiver feito suas economias e planos de previdência, a busca pela vida material diminui e a maior preocupação é o que você é, e não o que você tem. É passar do ter para o ser.

Ainda que você perca energia vital, a mente deverá ser ativa, pois é com ela que você se conectará ao mundo.

Investindo na sua competência intelectual

Para expandir a consciência é preciso beber de diferentes fontes.

Leia livros de outras áreas, de diferentes formatos e abordagens. Faça cursos, conheça pessoas interessantes, troque ideias.

Se você já conhece os seus talentos dominantes, melhor ainda, pois desenvolverá ainda mais seus pontos fortes enquanto fortalece também a sua mente.

E assim, aos poucos, vá passando do ter ao ser, buscando a coerência entre o que você pensa e o que você faz.

Créditos da imagem: Stephen Gardner

Adriana Ferrareto

Strengths Coach certificada pelo Gallup® Institute
Executive Coach Certificada pelo Integrated Coaching Institute (ICI)
Certificação Internacional em Coaching Integrado

Conheça a Adriana

Sou a Adri

Especialista em talentos humanos e estou aqui para despertar e fortalecer pessoas a usarem naturalmente suas potencialidades com autonomia, para se sentirem mais realizadas com seu trabalho e tenham uma vida mais leve e equilibrada.
MAIS SOBRE MIM →

Siga a Adri

Receba a Newsletter

Inscreva-se pelo formulário abaixo e faça parte da newsletter.

O Podcast

Saiba mais sobre
seus Talentos

Conheça a sua sequência única dos 34 Talentos Humanos e aprenda a transformá-los em Pontos Fortes

Abra espaço para sua performance natural

Assine a newsletter da Adriana Ferrareto e receba novos materiais sobre gestão de carreira com base em pontos fortes.

acompanhe a Adri no Insta

@adriana_ferrareto

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram