Como lidar de maneira estratégica com seus pontos fracos?

EM
18 de agosto de 2021
|
por
Adriana Ferrareto
Compartilhe

Outro dia um cliente me disse que ao receber feedback em sua avaliação de desempenho, que não conseguiu ouvir nada dos elogios que o gestor fez, pois sabia que na sequência viria um retumbante "MAS", que seria a segunda parte da avaliação, onde seriam apresentadas as fragilidades e pontos a desenvolver.

As pessoas ficam tão tensas esperando a crítica, que nem sequer conseguem aproveitar os elogios. Temos uma tendência a olhar para o ponto fraco. Pense, se eu te mostrar um lençol branco enorme, mas que tem um pontinho de azul bem no meio, nosso olhar, será lançado imediatamente para esse pontinho, como se desconsiderássemos todo o restante branco.

Isso me faz pensar que devemos rever a forma como tentamos desenvolver pessoas e trabalhar em suas fragilidades.

Mas por onde começar?

Segundo extensas pesquisas da Gallup, temos melhores resultados quando ajudamos uma pessoa a entender quais são seus talentos naturais, pois é onde existe uma espécie de crescimento natural e fluído, combinado com aprendizado rápido e um vislumbre de excelência, afinal trabalhar em cima de um talento é mais natural.

Quando a pessoa entende como pensa, sente e se comporta, gradativamente vai ganhando confiança, e entende que não é bom em tudo, por isso, deve focar sua energia em potencializar aquilo que já possui de talentos naturais. Evidente que ela pode desenvolver algumas habilidades necessárias ao longo da vida, todos fazemos isso. Mas ter uma habilidade, não é a mesma coisa que fluir em seu talento.

"Quanto mais você sabe quem é e como funciona, mais entende quem não é, e quais pontos fracos tem".

Adriana Ferrareto

Mas o que são pontos fracos afinal?

É tudo aquilo que possa atrapalhar seu sucesso.

Além de saber que talentos possui (e sempre começamos por aqui), é importante ter consciência de suas fraquezas. Isso ajuda a evitar algumas coisas como:

  • alegar forças / talentos que não tem
  • deixar de ver seus pontos fracos, ou impacto que esses pontos fracos podem causar na própria pessoa ou em outros
  • ser muito defensivo e auto protetor em torno das fraquezas e não dos talentos
  • ver suas áreas de fraqueza como mais importantes a desenvolver do que seus talentos

Você não cria forças em alguém investindo em suas fraquezas. Temos de tomar cuidado com esse senso comum de que só tem valia aquilo que vem com extremo esforço. Em geral, as pessoas desconsideram os talentos que possuem por serem naturais (sem esforço), imaginam que todo mundo é daquele jeito, e que o foco deveria ser em se esforçar em algo que não tem.

Pontos fracos se administra e não se conserta, aí mora a estratégia. Ponto fraco se assemelha a areia movediça, quanto mais tentar consertar, mais você afunda.

Vamos a um exemplo, supondo que uma pessoa que não tenha o talento analítico, ela pode tranquilamente aprender a ler um demonstrativo financeiro (adquirir habilidades para isso), mas como não é natural, ou seja, ela não tem o talento analítico, provavelmente não terá os mesmos insights intuitivos e compreensão de quem tem o talento inato.

Então, qual a estratégia para lidar com os seus pontos fracos?

  • Consciência: Esteja ciente de como essas fraquezas prejudicam sua liderança ou sucesso.
  • Responsabilidade: está disposto a assumir a responsabilidade por essas ações, suas consequências e impacto?
  • Estratégia baseada em pontos fortes: como posso usar meus pontos fortes e o de outras pessoas ao meu redor para gerenciar essas áreas em que sou fraco? Aqui cabe citar exemplos de como usar os talentos para fortalecer um ponto fraco: Como pode usar sua natureza competitiva para ser um ouvinte melhor? Como usar sua força em relacionamentos interpessoais para melhorar a qualidade da execução das coisas que faz? Como o seu pensamento analítico pode ajudar outras pessoas?

Estratégias para enfrentar os pontos fracos de um colaborador

  • crie dialogo aberto e transparente
  • potencialize intencionalmente seus Pontos Fortes
  • encontre sistemas de suporte
  • ajude esse colaborador a construir parcerias complementares
  • ajude-o a obter a educação certa
  • estabeleça padrões razoáveis nessas áreas mais frágeis
  • e se for o caso, ajuste ou altere as funções desse colaborador

Com essa prática constante de a maior parte do tempo focar no que a pessoa tem de melhor, teremos pessoas mais fortes, autoconfiantes e engajadas, e faremos a "gestão dos pontos fracos" com uma estratégia específica de usar os talentos para atenuar aquilo que possa ser empecilho ao sucesso.

Abraço afetuoso,

Adriana

Ps. se quiser saber como usar seus talentos ou do seu time, conheça aqui as possibilidades

Adriana Ferrareto

Strengths Coach certificada pelo Gallup® Institute
Executive Coach Certificada pelo Integrated Coaching Institute (ICI)
Certificação Internacional em Coaching Integrado

Conheça a Adriana

Sou a Adri

Especialista em talentos humanos e estou aqui para despertar e fortalecer pessoas a usarem naturalmente suas potencialidades com autonomia, para se sentirem mais realizadas com seu trabalho e tenham uma vida mais leve e equilibrada.
MAIS SOBRE MIM →

Siga a Adri

Receba a Newsletter

Inscreva-se pelo formulário abaixo e faça parte da newsletter.

O Podcast

Saiba mais sobre
seus Talentos

Conheça a sua sequência única dos 34 Talentos Humanos e aprenda a transformá-los em Pontos Fortes

Abra espaço para sua performance natural

Assine a newsletter da Adriana Ferrareto e receba novos materiais sobre gestão de carreira com base em pontos fortes.

acompanhe a Adri no Insta

@adriana_ferrareto

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram